Com a chegada do Inverno, equipamentos a gás exigem cuidados

Falta de manutenção preventiva é a principal causa de acidentes

Com a chegada do Inverno, equipamentos a gás exigem cuidados

Com as baixas temperaturas e a chegada oficial do Inverno no dia 20 de junho, os equipamentos a gás se tornam os queridinhos para um ambiente confortável. Mas, para que o seu uso seja seguro, é preciso prestar atenção em todos os detalhes. Sem a manutenção, o risco pode ser grande, já que aquecedores, chuveiros, motores e, até mesmo, fogões de cozinha, quando não estão funcionando corretamente, podem produzir o monóxido de carbono, um gás silencioso, sem cheiro, que facilmente passa despercebido e sua inalação pode ser fatal.

No Brasil, o gás natural e o gás liquefeito de petróleo (GLP), comuns nas residências, também possuem cheiro, mas recebem a adição de etil mercaptana, um produto de odor desagradável que ajuda a detectar o vazamento. Como o monóxido de carbono é um gás vindo de uma queima, não é possível adicionar algo que dê cheiro a ele, reforçando o perigo.

Os sintomas da inalação desse produto são dores de cabeça, tonturas, fraqueza, dores abdominais, dor no peito e confusão mental, sem esquecer que ele pode levar à morte. Com isso, fica evidente a importância de estar sempre em alerta. A melhor forma de evitar acidentes é a prevenção. Anote algumas dicas:

– O ideal é manter os aquecedores sempre em local arejado. Em nenhuma hipótese instale ou armazene em locais fechados ou sem janelas;

– Aquecedores ou qualquer outro aparelho doméstico movido a gás, óleo ou carvão devem passar por vistoria técnica ao menos uma vez por ano;

– A instalação e a fixação de produtos a gás devem seguir à risca o que o manual de instruções determina, sendo necessária também uma revisão técnica, pois se este estiver em más condições de uso, como empoeirado, com fios soltos e mau contato, pode causar um curto-circuito e provocar até incêndios;

– Nunca use um fogão para aquecer a casa;

– Por segurança, instale detectores em casa. Esses dispositivos, geralmente pequenos e que funcionam com pilhas ou baterias, servem para alertar em casos de vazamentos;

– Caso sinta os sintomas e suspeite de vazamento de monóxido de carbono, deixe o local imediatamente e procure os serviços de emergência.

– Cuidar das conexões e dos engates também é importante para manter a segurança do seu lar. Procure sempre produtos de qualidade que mantenham o bom funcionamento dos equipamentos.

Investir em bons produtos é essencial

Os vazamentos e acidentes com gás não costumam ser causados pelos botijões. A maior parte das ocorrências são pelo uso inadequado ou por más condições do kit de instalação. Para prevenir e garantir a segurança da sua residência, a qualidade dos produtos utilizados é fundamental. A Censi possui diversos itens que oferecem segurança e tecnologia, como kits completos para aquecedores, engates extensíveis, registros e adaptadores, entre outros que você confere aqui. Além de investir em bons produtos, procure um profissional qualificado para fazer a instalação.

SEM COMENTÁRIOS

COMENTE